Segunda-feira, 30 de Março de 2009

Ama-me, de novo.

Abraça-me mais uma vez, beija-me como antes, pega-me a mão com a mesma delicadeza da primeira vez, faz-me viver, só mais uma vez, a magia do passado, a magia daquela tarde, a magia daquele primeiro beijo, faz-me viver tudo de novo.

Não te vás embora, mesmo que este adeus não seja para sempre, não o digas, fica comigo, só mais um ou dois minutos, o tempo não importa, desde que tudo seja intenso, como sempre foi.

Porquê? Porque é que vais? Porque é que não olhas para trás? Porque é que não te arrependes e corres para mim? Porque é que esta distância aumenta? Porque deixo de existir para ti?

Fazes o meu coração bater rápido e de um momento para o outro quase parar.

Ama-me, de novo.

 

(Antes queria que fosses, agora, que foste, quero que voltes.)

 

: Queen - Somebody to love
tags:
Vera às 21:30

| Comentar |
8 comentários:
De Joαηα a 30 de Março de 2009 às 21:47
Só percebemos o verdadeiro valor das coisas, quando as perdemos. :x
Força. :)
De ameninadaesquina a 30 de Março de 2009 às 21:58
Agora querida luta por ele.. Força ^.^
Beijinhoo.
De strangeways a 30 de Março de 2009 às 21:58
compreendo-te.
força!
algo melhor chegará a ti e ficará.
De Marta a 30 de Março de 2009 às 22:14
Quando vieres a Albufeira passar férias explico-te o caminho :P
O amor é algo mesmo muito tramado. Desejo-te muita sorte, pelo que li a coisa anda atribulada. Mas um sentimento assim nunca fica com uma história por contar ... vai ter continuidade e espero que essa continuidade seja como nos contos de fadas.

Beijinhos
De MárciaB. a 30 de Março de 2009 às 23:22
Luta!

E se vires que a luta não vale a pena, é porque está para vir algo muito melhor (;

Beijinho
De My Simple Life a 30 de Março de 2009 às 23:28
Sei tão bem como isso é. O desejo interminável de que as coisas voltem a ser como dantes. Que voltemos a sentirmo-nos protegidas, amadas e sobretudo felizes. A saudade não mata, mas acaba por nos enfraquecer a pouco e pouco. Não sei o que é que se passou na tua relação, mas há sempre dois caminhos: o lutar pelo amor que ambicionas, e o outro em que continuas a tua vida com outra pessoa. Hás-de conseguir escolher dois destes caminhos, mais cedo ou mais tarde. Força, eu sei que a tens :)
Beijinho @
De M. :) a 30 de Março de 2009 às 23:36
" porquê ? "

Porque teve de ser assim , porque o destino quis assim.
Não desistas da felicidade, porque a dor não merece tal atitude!
De aquela a 31 de Março de 2009 às 23:26
É tudo sempre ao contrário do que queremos.
Mas as coisas acabaram por ficar melhores.

+

Ver perfil

 
Emoção que abafa a lógica:
As palavras da menina-mulher que vive, que ama, que chora de tanto rir e que ri para não chorar.
online