Terça-feira, 24 de Março de 2009

Não faço nada

Vejo-te ir e não faço nada para ficares. Eu sei, que um dia me vou arrepender mas agora, é mesmo isto que eu quero, que vás, para o mais longe possível e nem sequer olhes para mim uma última vez.

Um dia, não sei bem onde, nem quando, ouvi isto "Quando a dor é muita, transforma-se em ódio" e agora, sinto que esta pequena frase é totalmente verdadeira.

Quero acabar com este amor, que já nem sei se é amor.

 

tags:
Vera às 19:00

|
De ♥ - (ego) a 25 de Março de 2009 às 18:30
Não sabes se é amor? Quantas vezes "odiamos" uma pessoa e sabemos que isso é amor? Amor não tem de ser bonito, nem cheio de corações... amor é um sentimento inexplicavel.
Por vezes necessitamos que uma pessoa se afaste de nós, mas nunca desejes que isso aconteça para sempre porque tu sabes que no fundo, bem no fundo, ele tambem deve ter tido um lado bom em ti!
Beijinhos e vais ver que tudo vai melhorar, tal como tu mereces :)
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres


Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

+

Ver perfil

 
Emoção que abafa a lógica:
As palavras da menina-mulher que vive, que ama, que chora de tanto rir e que ri para não chorar.
online