Quarta-feira, 1 de Abril de 2009

Amor

«Eles cederam então a tudo o que estivera a acumular-se desde o momento em que se conheceram. Ela afundou-se nele, sentido o calor do seu corpo, e ele soltou-lhe a mão. Então, envolvendo-a lentamente nos seus braços, puxou-a para si e beijou-a suavemente nos lábios. Depois de se afastar ligeiramente para a olhar, beijou-a de novo suavemente. Ela devolveu-lhe o beijo, sentindo a sua mão percorrer-lhe as costas e parar no cabelo, onde ele enterrou os dedos.»

 

Livro «As Palavras Que Nunca Te Direi», de Nicholas Sparks

 

Vera às 15:00

| Comentar |
19 comentários:
De MárciaB. a 1 de Abril de 2009 às 15:25
Nicholas Sparks *.*
De ameninadaesquina a 1 de Abril de 2009 às 17:03
Um dos meus livros favoritos *.*

Beijinhoo.
De Lipa Pinhal a 1 de Abril de 2009 às 19:18
Esse livro é tão lindo *.*
Mas outro livro ainda mais maravilhoso que esse é o Diário da Nossa paixão, também dele *.*

Beijinhos *
De rascunhosdalma a 1 de Abril de 2009 às 19:55
Sem dúvida, na minha opinião, um dos melhores escritores de sempre :)
De ♥ - (ego) a 1 de Abril de 2009 às 20:02
Está lindo, como sempre.
Nunca li o livro mas as palavras parecem ser escolhidas ao promenor!
Beijinhos *
De marianne a 1 de Abril de 2009 às 23:30
Disses-te no comentário ao meu último post que ballet era o teu sonho.
Eu agora, pergunto-te, se é, porque não segues esse teu sonho?
Ballet é algo que quando mais cedo começares melhor.
E porque não segues esse teu sonho?

Beijinho
De Lipa Pinhal a 2 de Abril de 2009 às 09:40
Sim, as palavras q nunca te direi também é lindo *.*

Beijinhos *
De Sugar a 2 de Abril de 2009 às 14:50
eu já li esse livro, foi um dos mais bonitos que li até hoje.

grande beijo
De Marta a 2 de Abril de 2009 às 22:04
Talvez não lhe chame amizade. Nem sei o nome, não falo nada com ele. É uma pessoa fechada, poupa as conversas. Mas carinho especial, isso sim.

Beijinhos
ps: Tenho curiosidade por esse livro, mas como nunca liguei a bestsellers, por estar em todo o lado nunca lhe peguei. É bom?
De Marta a 2 de Abril de 2009 às 22:33
Tenho de ler o resumo. O meu estilo de livros é muito relativo. Gosto de boas reflexões e gosto de boas histórias. Às vezes um pouco fantasiosas mas não como Harry Potter's nem coisas assim.
Douglas Coupland, Hermann Hesse ... mais o estilo de escritores estranhos que falam de assuntos malucos. O que eu adoro! A mistura de dois mundos, estudar as mentes das pessoas da história, os seus pensamentos, o modo como vêm as coisas. Porque não é todos os dias que acedemos às mentes das pessoas e nesses livros conseguimos fazê-lo. Tenho um gosto especial por isso. Pelas pessoas ...

+

Ver perfil

 
Emoção que abafa a lógica:
As palavras da menina-mulher que vive, que ama, que chora de tanto rir e que ri para não chorar.