Segunda-feira, 27 de Julho de 2009

 

São cartas de amor, são corações que palpitam, são amores que nascem e amores que morrem, são vidas que se cruzam e que se descruzam... são palavras sem sentido ou com sentidos distintos.

 

Vera às 14:45

|
De Bonnie M. a 27 de Julho de 2009 às 18:52
Eh pah, adoro aquelas cartas de amor longas que os homens enviavam às mulheres que amavam e vice-versa (sim, pq hoje em dia é mais que raro pequenos gestos com esse -.-').
Isso fez-me lembrar do livro que estou a ler, que acho que disseste que tbm compraste (:
Beijinho
De Vera a 28 de Julho de 2009 às 13:52
Sim, pois comprei. ;)
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres


Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

+

Ver perfil

 
Emoção que abafa a lógica:
As palavras da menina-mulher que vive, que ama, que chora de tanto rir e que ri para não chorar.